Enquanto não chega o momento de viajar em família, podemos começar a sonhar a partir de casa, e da cozinha. De acordo com os dados do Observatório de Férias em Família, da Vrbo, plataforma especialista global em arrendamentos de férias para famílias, 10% das famílias portuguesas têm por hábito começar a preparar as suas férias através da confeção de pratos típicos do destino para onde se deslocam.

Para ir até a Alemanha, sem sair de casa, as famílias alemãs começam por recomendar a salsicha de caril (44%), a salada de batata de salsicha (36%) ou o seu cheesecake (27%).

Em França, o queijo é o rei dos pratos, é o que dizem 60% das famílias francesas. Com este ingrediente os franceses recomendam o tartiflette. Para fechar a ementa, 46% das famílias recomendam panquecas doces.

Era impossível passar por Itália sem a pizza, recomendada por 72% das famílias italianas. Logo de seguida a massa carbonara (47%) e os tortellini (34%).

Mais a norte, cerca de metade das famílias britânicas recomendam o fish and chips e o típico pequeno-almoço inglês. Cerca de 44% das famílias holandesas optam pela sua grande variedade de queijos e aperitivos tradicionais, como o Frikandellen, kroketten, bitterballen.

Chegando à Áustria o Schnitzel é a recomendação principal das famílias (76%). Já na Suécia a maioria dos inquiridos (55%) recomenda as almondegas com puré de batata e molho de amora.

O que recomendam as famílias portuguesas?

O Observatório procurou também descobrir que pratos portugueses as famílias nacionais recomendam aos seus viajantes. E parece haver um claro vencedor: o pastel de nata (78%). Logo se seguida, o cozido à portuguesa (67%), a francesinha (57%), o leitão da Bairrada, e o polvo à lagareiro (53%).

Os dados inseridos no presente relatório “baseiam-se num inquérito online realizado a mais de 9 mil pais e mães maiores de 18 anos com filhos menores de 15 anos dos seguintes países: Alemanha, Áustria, Espanha, França, Itália, Holanda, Portugal, Reino Unido e Suécia”.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.