Clare Waight Keller, estilista de 49 anos, já não é a diretora artística da Givenchy. Tinha sido recomendada há três anos pelo designer de moda alemão Karl Lagerfeld, falecido em fevereiro de 2019, mas nunca conseguiu atingir os objetivos que lhe foram impostos pelos donos da marca. A coleção de primavera/verão 2020 foi a última que a sucessora de Riccardo Tisci, que deu nas vistas aquando da sua passagem pela Chloé, desenvolveu para a empresa do prestigiado grupo francês LVMH.

Nascida em Birmingham, em Inglaterra, a criadora de moda foi a autora do vestido de noiva que Meghan Markle usou no dia do seu casamento com o príncipe Harry, duque de Sussex. As suas criações de alta-costura foram elogiadas mas as vendas das coleções de pronto-a-vestir que desenvolveu ficaram abaixo das expetativas. No dia 17 de março, a Mulberry também anunciou o despedimento de Johnny Coca, contratado em 2015 para substituir Emma Hill, que tinha saído em 2013.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.