Uma das tendências apresentadas no XVI Congresso Mundial de Medicina Estética foi a necessidade de estimular a capacidade de autorreparação do organismo e o modo de paliar o desequilíbrio de energias em diferentes pontos do mesmo, que podem acelerar biologicamente o processo de envelhecimento. Assim, por exemplo, os pés de galinha podem aparecer por causa do excesso de energia acumulada na zona do fígado.

De acordo com os especialistas internacionais defensores desta corrente, a flacidez na pele do pescoço surge, muitas vezes, como consequência de um défice energético e a secura da pele está diretamente relacionada com problemas renais em muitas situações. Com base nesta teoria, têm vindo a ser investigados, nos últimos anos, os efeitos do ozono, do oxigénio e até da homeopatia na revitalização do organismo.

De acordo com os especialistas defensores desta tendência, os tratamentos mais promissores, num futuro mais, imediato são a oxigenoterapia para reordenar a energia corporal, a homeomesoterapia para combater a perda de elasticidade cutânea e a ozonomesoterapia para melhorar o sistema micro-circulatório. Em voga tem vindo também a ficar o yoga skin, uma técnica de hidratação que recorre à filosofia do ioga.

Desenvolvida pela maquilhadora britânica Sara Hill, deixa a pele mais radiante e luminosa, como explicou numa publicação nas redes sociais. "Eu uso uma proporção de 60% a 70% de base, 15% de óleo facial, 10% de iluminador líquido e 5% de brilho. Se tem a pele seca, pode colocar uma pequena quantidade de hidratante para conseguir uma hidratação extra. Se a sua pele é oleosa, pode adicionar mais base", sugere. Aplique depois o preparado no rosto, massajando-o suavemente com as mãos, sempre respirando calmamente. "Pressione para estimular a circulação sanguínea, criando um rubor natural", indica.

"Deixe cada uma das camada de creme permanecer na pele durante cerca de um minuto", recomenda ainda Sara Hill. Aplique, seguidamente, um corretor, cremoso ou líquido, nos locais do rosto onde sinta que necessita de cobertura extra, utilizando um pincel de sombra macio, para um efeito mais leve e natural. Finalize com  pó, se sentir necessidade e apenas se for estritamente necessário, mas não exagere na quantidade.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.