O príncipe William está disposto a apoiar qualquer pessoa que tenha problemas a nível de saúde mental. Num programa especial de televisão, o duque de Cambridge abordou a morte da mãe, princesa Diana, que perdeu a vida na sequência de um trágico acidente de carro em 1997. Na altura, William tinha apenas 15 anos.

“Acho que quando se fica de luto numa idade jovem, em qualquer idade na verdade, mas particularmente nesta - sente-se essa dor como nenhuma outra”, confessou em declarações à BBC.

“E sabes que na tua vida vai ser muito difícil passar por algo ainda mais doloroso que isso”, confessa.

As declarações do príncipe fazem parte do documentário ‘A Royal Team Talk: Tackling Mental Health’.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.