Porto Novo: Centro de saúde para Ribeira das Patas e falta de especialistas são preocupações a ter em conta pelo ministro

A construção do centro de saúde em Ribeira das Patas e a falta de especialistas no concelho são preocupações que, segundo os utentes, devem ser levadas em conta pelo ministro da Saúde na sua visita, hoje, a Porto Novo.
créditos: Inforpress

Nesta deslocação a Porto Novo, a última etapa de uma visita de três dias a Santo Antão, Arlindo do Rosário, que responde ainda pela área de Segurança Social, tem agendado uma deslocação ao interior do município, onde deve ser confrontado com a reivindicação quanto à construção do centro de saúde na Ribeira das Patas.

O presidente da Associação para o Desenvolvimento Integrado da Ribeira das Patas, Arlindo Delgado, disse que a população dessa povoação, que desde 2015 possui estatuto de vila, deseja que o prometido centro de saúde conste dos investimentos públicos para 2018.

“Exortamos o Governo a fazer constar no Orçamento Geral do Estado para próximo ano a construção do centro de saúde da Ribeira das Patas”, notou este responsável, alertando que o posto de saúde já não serve a localidade, com cerca de três mil habitantes.

A falta de especialistas no centro de saúde de Porto Novo tem sido outra preocupação dos porto-novenses, que têm estado a enfrentar dificuldades para conseguir consultas em todas as especialidades.

Para os utentes, o centro de saúde tem os equipamentos necessários para esse tipo de infraestrutura, mas carece de especialistas praticamente em todas as áreas.

Para atenuar essa carência, as autoridades de saúde, a Câmara Municipal e algumas organizações não-governamentais têm estado a promover, com alguma frequência, feiras de saúde, com o objetivo de facilitar o acesso das pessoas carenciadas a consultas de especialidades.

Ainda no Porto Novo, o governante, além de deslocação ao interior do município, tem encontros com o edil local e com a direção da Região Sanitária de Santo Antão.

Comentários