Como um jogo de cartas pode unir crianças e séniores

Uma marca de brinquedos propôs aos fervorosos amantes dos jogos de cartas uma divertida missão: aprender um novo jogo e jogá-lo com os mais novos.
créditos: Mattel

A tecnologia, os quotidianos e as próprias diferenças geracionais tendem a afastar as crianças dos idosos e a criar pequenos nichos, onde pode ser difícil entrar.

Como resposta a este problema e numa forma de unir os dois mundos, foi criado um vídeo com o objetivo de colocar as duas gerações a sair dos seus hábitos e a brincar em conjunto. Uma série de crianças apareceram no Jardim da Parada, em Campo de Ourique (Lisboa) com um jogo de cartas diferente do que os mais velhos estão habituados a jogar, com o objetivo de brincarem todos juntos.

Como é possível ver através do vídeo, ao início, houve alguma resistência por parte destes hábeis jogadores de cartas, habituados a jogar os seus jogos entre si pelos jardins da cidade, e a chegada das crianças foi recebida com alguma estranheza. Mas, rapidamente, essa estranheza passou a curiosidade e, a pouco e pouco, ambos acabaram a jogar e a divertir-se em conjunto.

O vídeo faz parte de uma campanha promovida pela Mattel.

artigo do parceiro: Susana Krauss

Comentários