Michel Roux, de 78 anos, formou uma geração maior de chefes de cozinha britânicos onde se incluem Marco Pierre White, Pierre Koffmann e  Gordon Ramsay.

Nas muitas mensagens de pesar ao chefe de cozinha que também foi um autor prolífero e apresentador de televisão, a do chefe Raymond Blanc que “chamou os irmãos Roux de ´pioneiros` que mudaram o mundo da gastronomia no Reino Unido”.

Num comunicado a família afirmou que "a estrela de Roux brilhará para sempre".

Também o guia Michelin não tardou a reagir à morte de Michel Roux num post publicado no Instagram: “era um verdadeiro titã da indústria da hospitalidade. Inspirou toda uma geração de chefes e o cenário de restaurantes do Reino Unido não seria o que é hoje, não fosse a sua influência. Os nossos pensamentos estão com a sua família”.

Roux nasceu em Charolles, uma pequena cidade em Bourgogne, no leste da França, em abril de 1941. Trabalhou como pasteleiro na embaixada britânica em Paris e para a família Rothschild antes de se mudar para Londres, onde abriu os seus restaurantes.

Assim como Le Gavroche, em 1982, o Waterside Inn em Bray recebeu três estrelas Michelin em 1985. Roux também abriu, com seu filho, o Skindles em Taplow em 2018.

Michel Roux também era conhecido pela Roux Scholarship, uma competição anual de chefes de cozinha fundada em 1982 com Albert para permitir que uma nova geração de chefes no Reino Unido treinasse em alguns dos melhores restaurantes do mundo.

Desde 1983, Michel Roux publicou 15 livros que venderam mais de 2,5 milhões de cópias em todo o mundo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.