Corria o ano de 2017 quando um episódio traumático com os filhos levou Jessica Simpson a tomar a decisão de que não voltaria a beber álcool.

“Era 7h30 da manhã e eu já tinha bebido”, revela a artista na sua recente autobiografia - ‘Open Book (Livro Aberto)' -, agora citada pelo site do canal de TV Fox News.

As suas declarações remontam ao dia de Halloween, data em que esta se sentiu envergonhada por não se sentir capaz de ajudar o marido a vestir os filhos de ambos.

“Estava aterrorizada com a possibilidade deles me verem naquele estado”, lamenta. “Fico envergonhada ao contar que não sei quem os vestiu naquela noite. Eu dormi com medo de ser vista, com medo de tê-los decepcionados. Escondi-me até eles saírem e depois voltei a beber”, afirma, agora sem vergonha.

Recorde-se que a cantora e o marido, o ex-jogador de hóquei Eric Johnson, são pais de três filhos: Birdie Mae Johnson, de 10 meses, Ace Knute Johnson, de seis anos, e Maxwell Drew Johnson, de sete.

Leia Também: Jessica Simpson revela que sofreu abusos sexuais em criança

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.