Esta terça-feira, Taylor Swift abriu o coração para uma revelação intimista em entrevista à Variety. A cantora tornou público que a mãe, Andrea Swift, de 62 anos, foi diagnosticada com um tumor cerebral enquanto realizava tratamentos de quimioterapia para curar um cancro na mama.

"Foi um momento muito duro para nós enquanto família", desabafou.

Taylor Swift explicou ainda que o estado de saúde da mãe foi a razão pela qual optou por fazer a digressão 'Lover' mais curta. A artista fará apenas quatro concertos nos Estados Unidos antes de embarcar para a Europa.

"Toda a gente ama as suas mães, toda a gente sabe a sua importância. Mas para mim ela é realmente a minha guia. Todas as decisões que tomo são conversadas com ela. Obviamente que foi uma grande decisão para todos falar publicamente da doença", rematou.

Vale referir que Taylor Swift vai atuar em Portugal, a 9 de julho, no palco principal do festival NOS Alive.

Leia Também: Ozzy Osbourne quebra silêncio sobre batalha contra a doença de Parkinson

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.