No fim de semana passado, o grupo PT Parque Industrial Indonésia Morowali decidiu isolar as suas instalações de extração de níquel, bem como as fábricas de aço inoxidável na ilha de Celebes, evitando que os seus funcionários, 43.000, entrem ou saiam sem autorização por escrito.

Dos cerca de 5.000 trabalhadores chineses presentes no local, "identificámos e examinámos os trabalhadores migrantes de Wuhan", contou à AFP o porta-voz do grupo, Dedy Kurniawan.

Até ao momento, nenhum caso de infecção pelo novo vírus foi detetado, mas o grupo instalou scanners térmicos na entrada dos seus prédios e proibiu o acesso de estrangeiros ao local.

As instalações, que ocupam cerca de 2.000 hectares, são controladas pelo Grupo de Investimentos da China Xangai.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.