Ao todo já morreram em Itália 8.165 pessoas na sequência do novo coronavírus SARS-COV-2. Só nas últimas 24 horas, as autoridades de saúde italianas contabilizaram mais 662 mortes.

O país registou até ao momento 80.539 casos de COVID-19, 6.153 dos quais nas últimas 24 horas. Apenas 10.361 pessoas recuperaram.

Existem ainda 62.013 casos ativos no país, havendo 3.612 pessoas em estado considerado crítico.

A região italiana mais afetada pela pandemia continua a ser a Lombardia, no norte do país, com 4.861 mortos até ao momento.

Vários países estão a enviar ajuda para este país. Tanto a Rússia como a China já enviaram equipas de médicos e virologistas, assim como material médico, para solo italiano. A Alemanha, por exemplo, está a aceitar doentes de Itália, face ao entupimento dos serviços de saúde. Cuba também enviou 52 médicos para a península itálica.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de meio milhão de pessoas em todo o mundo. O número de óbitos total já ultrapassa os 23 mil.

Boletim italiano
Boletim italiano de 26 de março

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu, com quase 260.000 infetados, é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais.

Coronavírus: como passou de animais para humanos?

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.