António Bruno Araújo, como contou à Inforpress, nos anos 60 fazia parte da equipa dos Primeiros Socorros do antigo cais acostável, no Mindelo, e aproveitou-se desta experiência para ingressar na primeira leva de formandos da Escola de Enfermagem de São Vicente, aberta em 1964.

Entretanto, por ironia do destino, depois de terminado o curso, decidira rumar para França, com a pretensão de se estagiar, ter mais formações e mais tarde regressar à terra natal com “mais preparação”.

“Mas, felizmente ou infelizmente fui avaliado positivamente no estágio e acabei por ficar empregado num hospital francês”, contou, referindo-se à sua estada neste emprego que manteve desde 1965 até 1992, com a chegada à reforma aos 52 anos

Agora de volta à terra, e sem nunca ter exercido a sua profissão no seu país, vê com bons olhos o progresso registado desde os tempos coloniais, o qual teve a oportunidade de presenciar.

“Os enfermeiros estão melhor formados do que no meu tempo, são capazes de fazer muitas coisas, que não fazíamos, também porque não tínhamos meios”, considerou António Bruno, que disse “gostar imenso deste grande desenvolvimento” da enfermagem em Cabo Verde.

Entretanto, este enfermeiro reformado há 27 anos, coloca acento tónico sobre o aumento também da exigência registada nos tempos modernos, isto quando nos anos 60, podia-se ingressar no curso de enfermagem apenas com quarta classe.

“Há cada vez mais exigências para exercer esta nobre profissão, mas que acredito ser muito positivo”, disse este reformado, para quem o enfermeiro deve estar “sempre disponível para melhorar, aprender e servir a humanidade”.

“O enfermeiro deve ser dedicado, sociável, deve compreender os pacientes e os familiares, porque se não se tiver estes atributos então não se dever exercer esta profissão tão nobre”, reforçou.

Este “lema” que António Bruno Araújo disse ainda perseguir mesmo já de bata pendurada, mas que abraça para oferecer seu contributo, por exemplo no Dia dos Enfermeiros, que tem comemorado com os enfermeiros de São Vicente, há vários anos, na realização de despistes de glicemia e tensão arterial.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.