Uma via para ativar o metabolismo é fazer desporto, já que aumenta o gasto calórico. Como sublinham muitos especialistas e também alguns desportistas, o melhor é fazê-lo de forma constante. Ir ao ginásio apenas de quando em vez não é a solução. O ideal é combinar exercícios de musculação, como os pesos e os abdominais, com uma atividade aeróbica regular, como nadar, correr ou caminhar rapidamente.

Os primeiros devem ser realizados, pelo menos, três vezes por semana. Uns músculos bem tonificados precisam de mais energia para se manter e, assim, o gasto calórico aumenta. O exercício aeróbico deve ser moderado e diário e realizar-se durante cerca de 40 minutos. Com ele, consegue-se manter o peso, mas não perdê-lo, ao contrário do que muitas pessoas continuam a pensar.

Independentemente disso, não se atire de cabeça. Tenha em conta que a duração e a intensidade do desporto deve adequar-se à sua idade e ao seu estado de saúde. Se está a começar, não se esforce demasiado antes de fazer uma avaliação médica. Só depois da validação de um especialista é que deve praticar desporto de forma mais regular, aumentando gradualmente o esforço e o grau de exigência.

Os exercícios recomendados para quem tem um corpo tipo maçã

Caracteriza-se pela predisposição para acumular gordura em volta da cintura e no abdómen e não tanto nas coxas. Em termos de alterações alimentares, perde volume com facilidade com uma dieta hipocalórica e exercício regular.

Não se esqueça que tem uma maior predisposição para contrair doenças cardiovasculares, ter a pressão arterial alta, diabetes. Em termos de exercício, os abdominais estão recomendados, mas o importante é fazer exercício com regularidade.

Os exercícios recomendados para quem tem um corpo tipo pera

Acumula a gordura em redor da ancas, glúteos e coxas. É mais difícil perder peso, mas está menos propensa a sofrer do coração. A dieta não é suficiente para reduzir o volume nessas zonas, mas pode ser a chave para evitar a acumulação adiposa. Coma cinco vezes por dia e beba muita água.

Não passe muitas horas em jejum e não se esqueça do pequeno-almoço, que é o momento do dia em que pode cometer alguns pecados. Em termos de exercício, se tem pouco tempo pode usar uma bicicleta estática, com a qual se deve exercitar pelo menos 35 minutos por dia. É importante que o exercício seja suave e contínuo, sem fadiga. O treino com pesos pode ajudar a refirmar as zonas com celulite.

Os exercícios que se adaptam a qualquer tipo de corpo

Tanto para os homens como para as mulheres, é conveniente praticar desporto cardiovascular de intensidade moderada. No ginásio pode ser bicicleta estática, aeróbica. No exterior, podem ser corridas e bicicleta. Praticar três dias por semana com aparelhos é o ideal, quanto ao treino cardiovascular, este deve ser feito quatro vezes por semana.

No caso do homem, devido à sua constituição, a gordura tende a acumular-se na barriga. São adequados todos os exercícios que mantenham as pulsações constantes, como os da musculação, especialmente os que trabalham os abdominais e a zona lombar. Em termos de desportos, os especialistas sugerem a natação e o step. A aeróbica, o ioga e o pilates também são completos e favorecem a flexibilidade.

No caso da mulher, também há opções que se revelam melhores. Para ela, são mais úteis os exercícios de cintura e glúteos que trabalham os abdutores. Em termos de desportos, a natação, o step, a aeróbica, a ioga e o pilates são, como sublinham os especialistas, completos e favorecem a flexibilidade.

O circuito típico que pode fazer para começar

Comece com os exercícios de tonificação e de aquecimento. De seguida, passe para os aparelhos e, depois, comece a fazer o trabalho cardiovascular. A duração mínima deve ser uma hora. Com menos, apenas conseguirá o reduzir a gordura. O organismo necessita de 45 minutos para queimar a glicose e começar a retirar os depósitos de gordura.