Filetes de polvo com molho de maracujá

Coza em água, temperada com sal, um polvo médio até ficar tenro. Se optar por usar a panela de pressão irá ser mais rápida a sua cozedura.

Coloque duas batatas grandes a cozer em água com um pouco de sal.

Corte duas malaguetas vermelhas em rodelas e extraia algumas sementes para não ficar demasiado picante. Retire a polpa a três maracujás e reserve num recipiente.

Após o polvo estar cozido, corte os tentáculos, passe por farinha, depois em ovo e finalmente em pão ralado. Frite em óleo até ficarem alouradas.

Corte as batatas com casca e em rodelas. Salteie a malagueta em azeite e adicione a polpa do maracujá. Sirva num prato a batata às rodelas, com o polvo frito, os croutons e o molho de maracujá e chilli.

(Fonte: Blogue “Saliva”)

 Filetes de polvo com molho de maracujá

Polvo assado com puré de batata-doce

Puré de batata-doce e coentros: Descasque e corte cinco batatas-doces médias em pedaços. Leve a cozer com água e sal. Escorra e deixe arrefecer.

Com o utensílio próprio esmague as batatas. Junte quatro colheres de sopa de natas e uma colher de chá de manteiga. Se necessário junte mais natas até obter uma consistência mais leve e fluída que o puré de batata normal.

Tempere de  pimenta de moinho e retifique o sal.

Pique coentros a gosto e envolva no puré. Reserve até servir.

Polvo: Numa panela coloque um polvo com 1,5 kg, depois de limpo e lavado. Junte uma cebola inteira, duas folhas do louro, um ramo de salsa e alguns grãos de pimenta. Coloque só um pouquinho de água e deixe cozinhar até estar tenro.

Corte uma cebola em gomos largos, dois pimentos (um verde e um vermelho) em tiras e coloque-os no fundo da assadeira. Por cima coloque o polvo cozido, quatro dentes de alho esmagados e duas folhas de louro.

Tempere de sal e pimenta e regue com o azeite.

Leve ao forno quente e deixe assar até o polvo estar douradinho, mas sem deixar secar.

Emprate a seu gosto, com o puré e por cima o polvo com os pimentos. Regue com o azeite da assadura bem quente e sirva.

(Fonte: Blogue “7 Gramas de Ternura”)

Polvo assado com puré de batata-doce

Arroz de polvo com funcho

Deixe um polvo com 1,5 kg a descongelar no frigorífico. Depois, coza-o em bastante água fervente. Junte um pouco de sal quando o polvo estiver quase tenro. Corte o polvo em pedaços e reserve.

Guarde a água da cozedura.

Num tacho grande, aloure em azeite quente, uma cebola e um bolbo de funcho cortado em cubos, até ficarem macios, mexendo de vez em quando. Junte dois dentes de alho ralados e mexa bem.

Adicione a água da cozedura do polvo (no triplo da quantidade de arroz). Acrescente também o polvo. Deixe ferver por uns cinco minutos e junte duas chávenas de chá de arroz arbóreo.

Assim que levantar fervura, mexa com um garfo para soltar os grãos de arroz. Tempere com sal e pimenta a gosto e cozinhe em lume baixo com o tacho quase tapado por nove a dez minutos. Se achar necessário junte mais um pouco de água da cozedura.

Assim que estiver pronto, retire do lume, junte uma colher de manteiga e mexa bem para ligar. Sirva de imediato e polvilhe com um pouco da rama do funcho.

(Fonte: Blogue “Intrusa na Cozinha”)

Arroz de polvo com funcho

Polvo à espanhola

Coza 1,5 kg de polvo numa panela de pressão. 25 a 30 minutos, juntamente com uma cebola e uma pitada de sal.

Escorra-o, corte-o aos bocadinhos e deixe arrefecer.

Corte um pimento verde às tiras, três tomates maduros aos cubos, um pepino verde às rodelas e rale um nabo. Tempere os vegetais com coentros picados, azeite, vinagre, sal e pimenta e misture bem. Sirva o polvo com os legumes e com um raminho de coentros picados.

(Fonte: Revista Saber Viver)

Polvo à espanhola

Polvo no forno com polenta cremosa

Coloque ao lume um tacho grande com água e uma folha de louro. Quando a água estiver a ferver, segure um polvo com 1,5 kg pela cabeça e mergulhe-o dez segundos. Repita a operação mais duas vezes. Vai fazer com que a pele do polvo não saia e com que as pontas das pernas fiquem encaracoladas e mais bonitas. Posto isto, deixe o polvo cozer 40 minutos.

Para confirmar se o polvo está cozido, espete um garfo na parte mais grossa da perna (perto da cabeça) e confirme que este entra sem resistência.

Pré-aqueça o forno a 180 ºC. Enquanto o polvo coze, comece a fazer a polenta. Coloque cinco chávenas de água num tacho sobre lume alto.

Antes de ferver, junte uma chávena de sêmola de milho, enquanto mexe. Deixe levantar fervura, mexendo frequentemente. Assim que a polenta começar a engrossar e a “espirrar”, baixe o lume. Deixe cozinhar 45 minutos, mexendo frequentemente.

Quando o polvo estiver cozido, retire-o da água e coloque-o numa assadeira. Regue com azeite e tempere com quatro dentes de alho laminados, sal e pimenta preta moída na hora.

Asse no forno pré-aquecido durante 20 minutos.

Quando a polenta estiver pronta, tempere com sal e adicione quatro colheres de sopa de manteiga.

Retire o polvo do forno, separe as pernas e a cabeça e sirva de imediato, com a polenta e salsa picada.

(Fonte: Blogue “My Common Tabe”)

Polvo no forno com polenta cremosa

Polvo panado com arroz de feijão-verde

Coza 1,5 kg de polvo em água temperada com sal na panela de pressão (três dedos de água). Depois de cozido corte o polvo em pedaços e reserve-o.

Arranje 100 g de feijão-verde, cortando-o finamente. Reserve. Pique uma cebola e dois dentes de alho, refogue-os no azeite, junte o feijão-verde e refogue-o também um pouco.

Adicione cerca de 700 ml de água fervente ao tacho, mexa e deixe cozinhar cinco minutos. Junte 300 g de arroz, tempere de sal, deixe que coza em lume brando, durante 12 minutos aproximadamente.

Para a polme: Misture 120 g de farinha com 120 g de farinha Maizena e com um pouco de sal, pimenta rosa moída na altura e o tempero de alho e salsa, junte 200 ml de água com gás mexendo sempre. Se necessário junte mais um pouco de água. Passe o polvo pelo polme e frite-o no óleo. Retire para papel absorvente e sirva com o arroz.

(Fonte: Blogue “Cozinha[Daduxa]”)

Polvo panado com arroz de feijão verde