O cantor britânico, Sam Smith, conhecido pelo tema “Stay With Me”, e que venceu quatro Grammys, este ano, contou ao jornal The Sun, ter sofrido violência física e psicológica por ser Homossexual.

Smith, de 22 anos, quer contar a sua história para que outras crianças não passem pelo mesmo e que outras possam ser mais tolerantes com os homossexuais.

Segundo o Notícias ao Minuto, o cantor assumiu a sua orientação sexual aos 11 anos e nessa altura foi vítima de violência na escola, apesar de ter o apoio da família e dos amigos.

“Um grupo de rapazes costumava insultar-me durante todo o caminho da escola para a estação de comboio”, revelou o músico.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.