Em conversas com Inforpress, via Internet, após uma visita de 15 dias a Cabo Verde, Vanessa Mendes afirmou ter gostado de conhecer o país, de estar mais próxima da comunidade cabo-verdiana, assim como de conhecer a cultura e gastronomia deste país.

“Logo que cheguei em Cabo Verde tive uma boa impressão do país quando vi as ruas da capital muito limpas, sem lixo no chão. Vi que o povo tem um bom sentido de civismo e sabe que o lixo é no lixo”, pontuou.

Vanessa Mendes fez saber ainda que assistir o Cabo Verde Music Awards (CVMA) a fez ficar a saber ainda mais sobre a cultura musical cabo-verdiana.

“Até ao momento só conhecia dois estilos de música cabo-verdiana: o funaná e a morna, mas depois de assistir ao evento aprendi ainda mais”, acrescentou.

Outra coisa que a modelo internacional considerou ser “muito bom” em Cabo Verde é o facto de, durante os 15 dias que esteve na ilha de Santiago, ter sido “muito difícil” encontrar um fumador em espaço público.

“Se eu visse alguém a fumar era sempre um turista, é sinal que a educação sobre a saúde também é excelente em Cabo Verde”, enfatizou.

Prosseguindo, Vanessa Mendes disse estar “muito feliz” por ter conhecido Cabo Verde. “Era um dos meus sonhos que consegui realizar e voltarei com toda a certeza”, finalizou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.