O ator Kip Pardue recebeu a sua penalização pela acusação de assédio sexual por parte de Sarah Scott. O caso remonta para os bastidores do filme 'Mogulettes' (2018) e a atriz afirma que Kip se masturbou à sua frente.

Com isto, o artista foi multado pelo Sindicato de Atores de Hollywood em detrimento da atriz não ter apresentado uma queixa formal.

De acordo com o New York Post, a multa é no valor de seis mil dólares, 5,300 euros.

"No geral estou bem com a decisão, mas é um sentimento estranho. Não sei se devo sentir-me bem. Gostava de o ver suspenso durante alguns anos, mas este é um passo na direção certa", afirmou Sarah Scott.

A atriz sublinhou que é importante que as vítimas de assédio e abuso sexual se sintam apoiadas pelo Sindicato de Atores: "O mais importante é que outras pessoas que venham a público no futuro saibam que o sindicato está disposto a levar os relatos a sério e a criar um espaço no qual elas possam ser ouvidas".

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.