Vários factores podem estragar umas férias e perder os documentos é, sem sombra de dúvidas, um deles. Quer seja por furto ou distração, o resultado é o mesmo: momentos de aflição e uma grande dor de cabeça.

De acordo com Ty Opoku Adjei, uma hospedeira de bordo da British Airways, em declarações ao Business Insider, a maior parte das pessoas só se apercebe que se esqueceu do passaporte quando chega ao aeroporto, sendo o mais comum esquecê-lo no interior do cofre no quarto de hotel.

Para evitar esse constrangimento, a dica de Ty Opoku Adjei é que guardem um dos sapatos que vão usar no dia da viagem no cofre, juntamente com o passaporte. A menos que planeiem sair com um pé descalço, nunca mais se esquecerão do passaporte no cofre.

Se mesmo assim, por outros factores, se encontrarem numa situação em que ficaram sem documentos de identificação, o que devem fazer é dirigir-se às autoridades competentes e comunicar o extravio ou perda.

O passo seguinte é deslocar-se ao consulado e/ou embaixada portuguesa do país onde se encontram para que vos possam fornecer nova documentação.

E aqui fica outra dica: levem sempre convosco, em todas as viagens, uma cópia do passaporte ou cartão de cidadão, em formato físico e/ou digital, pois facilita bastante o processo nestas situações.

Deve ainda saber que, caso encontre o documento reportado como perdido ou extraviado, não pode voltar a utilizá-lo e, se o fizer, será apreendido e remetido pelas autoridades à entidade concedente.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.