Mãe e filha morrem trancadas em sauna

As duas mulheres estavam em casa de uma amiga, na República Checa, quando a maçaneta da porta do equipamento avariou.

As duas mulheres, de 45 e 65 anos, morreram, no sábado, trancadas numa sauna em casa de uma amiga em Jicin, na República Checa.

Segundo escreve o britânico The Guardian, a maçaneta da porta da sauna avariou e nem a mãe, nem a filha não conseguiram sair do seu interior, onde permanceram durante pelo menos 90 minutos.

"A mãe e a filha, de 65 e 45 anos respetivamente, estavam na sauna em casa de uma amiga. A dona achou que elas estavam a demorar muito tempo e foi ver o que se passava, tendo encontrado as duas mulheres no chão", revelou a porta-voz da polícia checa em comunicado.

"Tentaram partir a janela na porta, mas não conseguiram", lê-se ainda no comunicado.

16 regras que deve saber para evitar acidentes na piscina

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários