Apresentada identidade visual do recém-criado Prémio Nacional de Publicidade

A empresa Dikor foi a vencedora do concurso lançado pela organização.
créditos: CM

Foi hoje, dia 16, apresentada a público a identidade visual oficial do Prémio Nacional de Publicidade (PNP). A distinção visa reconhecer os melhores trabalhos feitos na área de publicidade em Cabo Verde.

Recorda-se que o PNP é uma iniciativa da EME-Marketing & Eventos, que conta com a parceria do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas.

A proposta vencedora da identidade visual do PNP foi da empresa Dikor, uma empresa de Impressão e Sinalética de Santiago que está no mercado desde 2007.

Segundo Maria Martins da EME-Marketing & Eventos, a proposta vencedora foi a que recebeu a melhor pontuação atribuída por um júri composto por cinco elementos: o designer Adalberto Cardoso, o diretor nacional das Artes, Ivan Santos, o professor Wlodzimierz Szymaniak, a autora Carmelinda Gonçalves, e ainda consultora Vanda Leite.

No total estiveram em concurso, que decorreu de 29 de junho a 15 de julho, seis propostas.

Segundo César Silva, da Dikor, dois conceitos-base estiveram na base do logo apresentado: identidade crioula e ainda o impacto das TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) na forma de fazer comunicação e publicidade em Cabo Verde.

Assim, o logo, pintado em tons de preto e dourado, consiste numa junção entre uma arroba (representando as TIC) e uma palmeira (que representa a resistência/tenacidade).

Sobre se o PNP vai contribuir para a valorização do setor publicitário no país, César Silva acredita que sim já que “a publicidade não tem sido valorizada suficientemente em Cabo Verde, a diversos níveis”.

“Por exemplo, a nível legal não existe uma regulamentação da publicidade. Estamos sujeitos a muita publicidade de empresas que não pagam impostos em Cabo Verde e estão cá a concorrer connosco. Estamos sujeitos à concorrência do Estado. É preciso fazer alguma coisa por isso é preciso que as empresas se juntem, que haja uma associação e que esta profissão seja valorizada”, conclui.

O troféu a ser entregue aos vencedores na gala do PNP também é designado de ‘Palmeira’.

Recorda-se que o PNP foi lançado em final de maio último. O prémio pretende distinguir os melhores trabalhos feitos na área e está dividido em sete categorias: TV, Rádio, Print/Poster/Billboard e Imprensa Escrita e Internet (Banner e Promoção).

As candidaturas ao PNP devem ser apresentadas entre 2 de dezembro de 2016 a 31 de janeiro de 2017.
A entrega do Prémio Nacional de Publicidade acontece em fevereiro de 2017, data a indicar.

Logo prémio nacional de publicidade

Comentários