Ibuprofeno pode causar disfunção erétil e tornar os homens inférteis

Tomar aspirina e paracetamol durante a gestação pode também afetar os testículos dos bebés, revela um estudo publicado esta semana por uma universidade dinamarquesa.
créditos: AFP PHOTO JACK GUEZ / AFP PHOTO / JACK GUEZ

Um estudo desenvolvido por investigadores da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, descobriu que tomar grandes quantidades de ibuprofeno durante semanas a fio pode aumentar o risco de infertilidade nos homens ao ponto desses efeitos serem irreversíveis.

Segundo a análise científica, a toma de ibuprofeno pode ainda ter um impacto negativo nos testículos de homens jovens, de acordo com a investigação publicada na revista Proceedings of the National Academy of Sciences.

Na investigação, que envolveu um grupo de jovens atletas, os cientistas perceberam que a toma do medicamento levou a que estes atingissem uma condição hormonal que só é alcançada na meia-idade e que está ligada à redução da fertilidade.

SAIBA MAIS10 medicamentos para as dores (com e sem receita)

VEJA AINDA10 perguntas sobre disfunção erétil que todos os homens deveriam saber a resposta

De acordo com o estudo, os jovens da análise que tinham entre os 18 e os 35 anos desenvolveram uma desordem chamada "hipogonadismo compensado". O distúrbio surgiu após a toma duas vezes ao dia de 600mg de ibuprofeno durante duas semanas e foi agravado com a continuidade da ingestão do fármaco. O hipogonadismo surge quando o corpo tem de aumentar os níveis de testosterona devido à diminuição dos níveis de produção desta hormona.

Em jovens saudáveis que tomaram o medicamento durante seis semanas, o estudo revelou que o analgésico interrompeu a produção de hormonas sexuais masculinas. Segundo os cientistas, os efeitos nestes jovens foram revertidos com o fim da toma, no entanto, para quem toma o medicamento durante longos períodos de tempo a reversão do distúrbio pode não acontecer.

"O corpo pode deixar de conseguir dar resposta", dizem os responsáveis pelo estudo, que defendem que este fármaco deve ser tomado apenas "quando estritamente necessário" e não de forma regular. O principal autor da investigação, Bernard Jégou, e uma equipa de investigadores - que exploraram os efeitos da toma de três analgésicos diferentes: aspirina, paracetamol e ibuprofeno - indicam que, quando tomados durante a gravidez, os três fármacos afetam os testículos dos bebés do sexo masculino.

artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários