Paragem cardiorespiratória

Como agir rapidamente para conseguir salvar uma vida

A reanimação cardiopulmonar procura restituir o fluxo de sangue e o batimento cardíaco.

O objetivo é aumentar as probabilidades de sobrevivência de uma pessoa que tenha sofrido uma obstrução ou paragem cardiorespiratória.

A American Heart Association diz como fazê-la:

- Não mexa numa pessoa que esteja inconsciente, a não ser que esteja de barriga para baixo. Pode ter sofrido um traumatismo.

- Segure-a pelos ombros e abane-a com cuidado para ver se reage. Se for o caso, desobstrua a via respiratória, colocando um dedo no queixo e levantando-o ligeiramente.

- Se não reagir, mantenha a via aérea aberta, levantando com dois dedos o queixo e pondo a outra mão na testa, empurrando a cabeça para trás. Aproxime-se para escutar, sentir a respiração ou verificar se o tórax mexe.

- Se não respirar, faça duas respirações profundas boca a boca, enviando o ar para dentro da cavidade torácica e tapando-lhe o nariz.

- Coloque os dedos durante 10 segundos ao lado da maçã-de-adão, para sentir a pulsação.

- Comece então a fazer compressões torácicas, colocando as mãos cruzadas, com os braços perpendiculares ao tórax.

- Realize 30 compressões de cinco centímetros de profundidade. Quando terminar, repita o processo realizando duas respirações boca a boca. A cada quatro ciclos verifique se a  pessoa respira.

artigo do parceiro:

Comentários