Maquilhagem para combater imperfeições que podem ser estigmatizantes

Há doenças que obrigam a uma autêntica operação camuflar para esconder marcas e disfarçar problemas que afetam a autoestima de milhões de mulheres.

Existem doenças da pele que provocam imperfeições que podem ser estigmatizantes, ao ponto de afetar a autoestima ou levar ao isolamento social. Em todas elas, a maquilhagem médica pode ser a solução. As doenças da pele são uma das patologias mais comuns, afetando entre 30 e 70 por cento dos indivíduos, segundo revela um estudo publicado em meados de 2017 no Journal of Investigative Dermatology.

Podem ocorrer em todas as idades e em todas as culturas, sendo prevalentes nas sociedades ocidentais. Os seus tratamentos são diversos, mas a forma como estas doenças se apresentam pode ser um obstáculo para quem sofre delas, sobretudo na relação com os outros ou até mesmo quando se olham ao espelho. Cientes disso, vários maquilhadores e especialistas desenvolveram soluções.

Joelle Nonni, uma antiga maquilhadora profissional e delegada médica em dermatologia, aliou as duas áreas e é hoje maquilhadora médica na Station Thermale d’Avène, em França, é um desses exemplos. Nestas termas, dedicadas a tratamentos de patologias da pele, a especialista realiza workshops deste tipo de maquilhagem que têm suscitado muito interesse.

Com recurso a técnicas muito simples, fáceis de implementar em casa, esta especialista em imagem consegue «ajudar estas pessoas a conviver melhor com o seu problema», como nos afirmou em declarações exclusivas. À Prevenir, Joelle Nonni  explica o que é a maquilhagem médica e como aplicá-la, para uma pele à prova de imperfeições.

Diferentes maquilhagens

Pensar em maquilhagem é pensar em esconder imperfeições. É o que acontece seja em maquilhagem ligada à moda, corretiva ou médica. Mas, então, o que as diferencia? Enquanto a primeira tem apenas que ver com uma questão de gosto ou de seguir uma tendência, a maquilhagem corretiva é a que «é mais usada pela maioria das mulheres, pois disfarça pequenas imperfeições», explica a especialista em maquilhagem médica.

A responsável da marca Avène explica que esta pode camuflar «olheiras, pequenas borbulhas ou sombras produzidas pelas rugas». Na maquilhagem médica o objetivo é camuflar, no rosto e/ou no corpo, «imperfeições severas consequentes de doenças, como a rosácea, o vitiligo, a acne mais severa ou mesmo queimaduras». É uma maquilhagem para pele muito sensível e quase sempre agredida.

«Nestes casos, vamos encontrar soluções que não pioram a aparência da pele e que permitirão melhorar a qualidade de vida», adianta a maquilhadora médica. Veja também a base de maquilhagem que mais se adequa à sua pele e descubra também os gestos de maquilhagem que ajudam a esconder o duplo queixo.

Veja na página seguinte: As doenças que se maquilham

Comentários