Família pede ajuda para tratar bebé de 10 meses que pesa 30 quilos

O mexicano Luís Manuel sofre da Síndrome de Prader-Willi, uma doença genética rara que afeta uma em cada 30 mil pessoas em todo o mundo.
créditos: Facebook Isabel Pantoja

Luís Manuel ainda não celebrou o primeiro aniversário, mas já pesa tanto quanto uma criança de 9 anos.

A criança é portadora do Síndrome de Prader-Willi, uma desordem genética causada pela perda de função de genes específicos.

A doença é acompanhada de sintomas comuns, como músculos fracos, má alimentação e desenvolvimento lento. Na infância, a criança vive com fome constante, o que muitas vezes a leva a desenvolver quadros de obesidade mórbida e diabetes tipo 2. Nos casos típicos, as crianças sofrem ainda de deficiência intelectual - leve a moderada - e problemas comportamentais.

"Ele nasceu um menino normal e com peso saudável, tinha 3,5 kg. Quando tinha um mês comecei a reparar que as roupas deixavam de lhe servir muito rápido. Ele estava sempre com fome e começou a engordar. Tive que começar a comprar roupas para bebés de um ano e até de dois", relata a mãe, Isabel Pantoja, citada pela imprensa local.

O bebé está a fazer tratamento hormonal específico, para ver se reage e se os sintomas são aliviados, mas cada injeção pode custar 500 euros. Entretanto, os pais da criança organizaram uma recolha de fundos, para suportar os custos do tratamento. Pelo Facebook, Isabel Pantoja e o marido, Mario Gonzalez Silva, anunciaram terem aberta uma conta bancária e pediram doações.

"Toda a ajuda, pouca ou muita, é boa para ele", frisou o pai em declarações a uma televisão local.

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários