Quer viver mais anos? Arranje um… hobby!

Se sim, a resposta a esta questão não podia ser mais surpreendente e resume-se a uma palavra… Passatempos! Saiba porquê

<p>Neste caso, como exemplo, começamos por transplantar uma salva. Pode encontrar várias espécies de plantas aromáticas envasadas em viveiros perto de si e nas grandes superfícies de bricolage e jardinagem</p>

Ter um hobby é um dos segredos para uma vida mais longa e preenchida. Sabia? Quem diria que podemos crescer como seres humanos e melhorar a nossa saúde mental e física, através de atividades lúdicas? Seja a tocar um instrumento musical, a praticar um desporto, a fazer bolos, e por aí em diante. O segredo está no elemento surpresa. É que embora sejam variadas as fontes de entretenimento, todas produzem um efeito muito desejado no ser humano, uma vez que desenvolvem as nossas capacidades cognitivas.

Claro que, muitas vezes, nem nos apercebemos das consequências positivas que um hobby (ou mais) pode ter a longo prazo. Até porque os passatempos são atividades que fazemos por puro prazer, sem o intuito de retirar deles mais do que momentos de felicidade. Os hobbies são estimulantes, na medida em que trazem o tal elemento de surpresa e nos informam sobre curiosidades, às quais dificilmente teríamos acesso de outra forma.

Colete salva-vidas

As atividades de lazer promovem comportamentos positivos que, por sua vez, estimulam o cérebro. Criam novas ligações entre os neurónios, aumentando a capacidade de concentração, a velocidade de raciocínio, a atenção aos pormenores. Comprovam-no as autoras do livro «Surprise: Embrace the Unpredictable and Engineer the Unexpected».

Tania Luna e LeeAnn Renninger analisaram múltiplos estudos que chegaram à conclusão que o tédio é o grande inimigo da saúde mental. No limite, os indivíduos que não sabem como entreter-se, onde encontrar novidades e surpreender-se a si próprios, podem ver o seu tempo de vida dramaticamente encurtado.

Desafios inesperados

Segundo Wolfram Schultz, neurocientista da Universidade de Cambridge, a capacidade de nos surpreendermos precisa de ser estimulada através de desafios inesperados. O especialista diz que, quando uma pessoa começa um novo hobby, as suas emoções intensificam cerca de 400%. E acrescenta ainda outra vantagem dos passatempos. Estamos naturalmente motivados para os realizarmos, pelo que contribuem diretamente para o nosso autodesenvolvimento. Por isso, não perca mais tempo. Aproveite todos os minutos livres que tem para fazer atividades que lhe deem prazer e tragam felicidade!

Recursos

Se ainda não adotou um passatempo, veja as nossas sugestões:

- Maria Modista

Workshops de costura. Mais informações em Mariamodista.pt

- Isto Faz-se

Cursos e workshops de cake design. Mais informações em Istofaz-se.pt

- AR.CO

Cursos de fotografia, cinema e joalharia. Mais informações em Arco.pt

- Associação Naval de Lisboa

Cursos de vela e de remo. Mais informações em Anl.pt

Texto: Filipa Basílio da Silva

artigo do parceiro:

Comentários