Curiosidades da vagina

Mitos, verdades, curiosidades, desconhecimento, enfim... muito se fala dela, mas nem sempre se sabe muito acerca da mesma.

Provavelmente não sabe que vagina em latim significa 'o local onde se guarda a espada', ou seja, algo como a bainha onde os gladiadores guardavam a sua espada. Mas, para além de fazer algum sentido, a vagina é um órgão que produz sebo, suor, muco cervical, células descamadas, ureia, etc... e quando excitada produz um lubrificante natural responsável por manter a área hidratada e húmida. Talvez tirando o seu significado em latim, já tinha conhecimento do resto, mas se continuar a ler irá ficar a saber mais algumas curiosidades sobre a mesma.

Bactérias naturais presentes na vagina e no iogurte
Por esta não estava à espera, certo?! Pois bem, a vagina é composta por uma variedade de micróbios, sendo os mais comuns os lactobacilos (em mulheres saudáveis). Estes, por outro lado, são encontrados nos iogurtes.

A vagina tem um sistema de limpeza
Mas tem à mesma de a lavar, sim?! Brincadeiras à parte, a vagina é um dos órgãos que mais bactérias tem e as mesmas ajudam a manter o equilíbrio do PH, bem como a impedir que as bactérias más adiram às paredes vaginais. No entanto, apesar deste sistema próprio, há situações do dia a dia que desregulam o PH (menstruação, relações sexuais, etc...), pelo que se torna imprescindível lavar, não abusando dos sabonetes íntimos ou das 'chuveiradas' dentro da mesma.

Dormir sem cuecas faz bem
A vagina precisa de respirar e já bem basta estar o dia todo 'apertada' nas cuecas – que preferencialmente devem ser de algodão – por isso o ideal é que durma sem cuecas nem nada apertado. Assim, evita-se a transpiração da vulva e, por conseguinte, a fermentação do suor ou pele assada.

A vagina expande até 200%
Para quem acha que depois de um parto ou para quem faz muito sexo a mesma alarga, não podia estar mais do que enganado. Excetuando alguns problemas que possam advir do parto, a vagina volta ao seu estado normal. Uma vagina tem um tamanho médio de 3 a 4 polegadas, mas excitada pode expandir até cerca de 200% do seu tamanho normal.

O clitóris também tem ereções
Curiosamente o clitóris e o pénis têm a mesma origem embriológica, ou seja, aquando a divisão das células na criação do embrião humano, são ambos desenvolvidos da mesma forma. Assim, e dependendo do sexo, a estrutura interna de ambos é igual, mas um é muito menos desenvolvido que o outro, logo não há grande perceção aquando a ereção.

artigo do parceiro:

Comentários